29 de Julho: Schumacher retornará a F1 na Espanha. Eu encontrei essa tarde com  Domenicali e Montezemolo e juntos nós decidimos que eu irei me preparar para substituir Felipe.

31 de Julho: Schumacher testa o F2007 em Mugello – Agora nós teremos que ver como meu corpo e meus músculos irão responder a esse dia nos próximos diase a Ferrari manda carta às equipes pedindo permissão para que Schumacher teste o carro de 2009.

05 de agosto: Schumacher agradece o apoio dos fãs e corre de kart em Lonato. É incrível o apoio que eu venho recebendo de todo mundo nesses dias. Ainda estou me preparando, eu já perdi 3 quilos. Eu apenas tenho de admitir que ainda sinto um pouco meu pescoço. E saúde tem prioridade – é um acordo feito com a Ferrari e com minha esposa.

08 de agosto: Schuberth já providencia novo capacete para Michael em vista do acidente que Massa sofreu

11de agosto: Schumacher cancela seu retorno. Eu realmente tentei de tudo para fazer que minha volta temporária fosse possível, embora para o meu arrependimento, não aconteceu. Infelizmente não conseguimos eliminar a dor no pescoço que aconteceu depois daquele dia em  Mugello.

12 de agosto: Michael dá explicações à imprensa na entrevista coletiva em Genebra.

15 de agosto: Michael embora não retornará nessa temporada, continua com todos os testes e treinamentos para superar o problema no pescoço.

22 de agosto: Tablóide Daily Mirror prevê: Com Fernando Alonso se juntando à Ferrari, as opções de Schumacher para 2010 serão a Brawn ou Mclaren. Daily Mirror solta o 1º rojão

27 de agosto: Contrato do Michael com a Ferrari não foi estendido.

29 de agosto: Ferrari insiste em terceiro carro para Michael.

03 de setembro: Fisichella confirmado como piloto a ocupar o cockpit fervente da Ferrari.

04 de outubro: E o terceiro carro, pô!! Ferrari bate na mesma tecla.

19 de outubro: Em entrevista a revista Spiegel, Schumacher não descarta retorno.

17 de novembro: Especulações voltam a tona sobre possível saída de Schumacher da Ferrari para pilotar uma flecha de prata em 2010. Apoiadas na enigmática declaração de Haug sobre um piloto surpresa a dividir equipe com Rosberg

18 de novembro: É a festa declarada dos tablóides – Você nunca pode dizer nunca nesse esporte, teria dito sua assessora Sabine ao The Mirror.

21 de novembro: Segundo Daily Telegraph, Schumacher está realmente conversando sobre um cockpit novinho em folha com a Mercedes GP (ex-BrawnGP)

22 de novembro: Weber confirma que houve ‘assédio’ da Mercedes já em Abu Dhabi.

25 de novembro: Weber diz que pescoço de Schumacher está novinho em folha. Ele tá pronto pra outra.

28 de novembro: Colajanni conta ao Express: Eu posso afirmar que um acordo foi feito entre Michael e a Ferrari em setembro. Não posso dizer se literalmente foi assinado.

29 de novembro: Schumacher solta um Who knows? na entrevista coletiva em Floripa sobre seu possível retorno.

03 de dezembro: Fontes, fontes, fontes – Eu trabalho para uma firma de eletrônicos no Reino Unido que é fornecedora de muitas equipes de F1, e descobri hoje durante umas conversas com um dos compradores para Mercedes/Brawn que Michael recentemente visitou a fábrica para dar uma olhada, pode significar algo, ou não.

06 de dezembro: O velhinho da fuzarca tinha que dar seu pitaco também. É mais que um rumor.

10 de dezembro: Schumacher visitou fábrica da Mercedes em Stuttgard segundo Speedweek. Fontes, fontes, fontes – Eu ouvi de um contato em Genebra que o negócio foi fechado. Contrato de 1+1 ano é a opção de Schumacher – Estou entrando em contato com todas as minhas fontes igual a um doido, e todas elas dizem a mesma coisa, então finalmente isso vai virar realidade, vamos esperar para ver.

11 de dezembro: Já temos cifras, Bild que não quer ficar atrás na competição dos tablóides afirma que Michael irá receber 7 milhões de euros.

12 de dezembro: Revista Focus confirma – Fechado, Schumacher e Mercedes para 2010.

13 de dezembro: No Winterpokal em Kerpen, Michael despista os jornalistas – vocês sabem como essas coisas funcionam.

16 de dezembro: Fry confirma negociações entre Mercedes e Schumacher.

E agora José?