Schumacher divulgou no seu site oficial  o que ele pensa da nova temporada e do novo sistema de pontuação:
 
Eu fui aos últimos testes da pré-temporada na Espanha para ter uma visão geral da situação, e eu posso claramente dizer: que comece logo a temporada! Eu digo isso como fã do automobilismo e da Ferrari. As últimas impressões estão mostrando que nós estamos bem e em posição de lutar pelos títulos.

O que me parece no momento é que há várias equipes que poderão ficar no grupo da frente, além de nós há Renault e Toyota, e BMW e Williams também, mas por outro lado, depois de Barcelona eu posso dizer com certeza que a equipe de Ross foi fora do comum. Eles eram 1 segundo mais rápidos que todos, e se eles puderem levar isso para a temporada, com certeza estarão fortes – mesmo se provavelmente as grande equipes a alcançarem com o decorrer do tempo. Mclaren no momento está mal.

 

 

Durante os testes nós tivemos que lidar com vários assuntos mas é mais do que normal nesse estágio da temporada. Mas o KERS é um risco para todas equipes que estão utilizando devido às possibilidades restritas de testes. Então, como sempre, há certas dúvidas antes das primeiras corridas. Mas isso é o que  faz a coisa toda tão atrativa, não?

Duvido que o mesmo possa ser dito sobre as novas regras num momento tão tardio antes do início da temporada – algo que, para mim, é realmente espantoso. Em todos esses anos, quando a maioria queria uma mudança das regras por uma boa razão, sempre falavam que não seria possível a curto prazo ou era tarde demais, antes da temporada. Não posso imaginar que essas mudanças vão ajudar a F-1, especialmente o novo sistema para definir o campeão. Não há sentido em eventualmente ter um campeão com menos pontos do que o segundo colocado, mesmo que eu também considere que essa foi uma boa tentativa para valorizar a posição do vencedor.  Nós deveríamos assegurar que a F1 permaneça no topo mais alto do automobilismo, mostrando que sua competição também está no mais alto nível de tecnologia.