Michael participou dos testes em Portugal para campeonato mundial de Superbike no ínicio do mês de novembro. Segundo o piloto alemão Ben Spies que irá correr pela Yamaha ano que vem, Michael mostrou que era competitivo correndo numa pista que ele não conhecia. Apesar dele não ter sido tão rápido quanto os experientes pilotos, a informação que ele fornecia era impressionante. Ele realmente mostrou que entendia o lado mecânico das motos, pedindo até para alterar a suspensão até se adequar ao seu estilo

Primeiro, ele testou a Yamaha de Noriyuki Haga. Ele deu 20 voltas e seu melhor tempo foi de 1:50.2. Então ele fez 12 voltas com uma Ducati F08 e seu melhor tempo foi de 1:52.8. Mais tarde na semana, ele testou uma Honda CBR-RR para sua equipe na IDM e foi mais rápido com ela com o tempo de 1:48.5. Com este tempo, ele se qualificaria para a última corrida em Portimão do Campeonato Mundial.

Silvano Galbusera (chefe técnico da Yamaha) disse: ”Michael é um cara esperto, ele imediatamente conseguiu ver as diferenças entre a moto de Corser e Haga e pode traduzir isso em palavras.”

Sua dedicação às motos impressionou o chefe da Honda Fiorani que já ofereceu ao futuro quarentão uma vaga para o Campeonato Mundial em 2009. “Basta ele perguntar”.

Estava tirando umas férias do blog após o encerramento da Fórmula 1, ao contrário de Schumacher que já está com a agenda cheia para este final de ano com o Desafio das Estrelas em Florianópolis e Corrida dos Campeões em Wembley, eu só estava pensando em ficar com as pernas para o ar.🙂