Primeira entrevista coletiva do Schumacher após seu retorno a F1. Chega a ser estranho vê-lo sentado junto aos pilotos da Mclaren após tantos anos de espera. Há também as entrevista coletivas das quinta-feiras, mas essas não estão diretamente relacionadas ao desempennho do piloto na pista.

 

P: Já faz um bom tempo desde que vimos você no top 3 na classificação. É um retorno bem-vindo ou você poderia ter sido pole ou melhor hoje?

Michael SCHUMACHER:  Não, eu acho que isto foi o máximo possível. Nós conseguimos trabalhar bem o carro durante todo o final de semana, nós obviamente mostramos potencial na Austrália, não muito na corrida, então o foco foi tentar encontrar o melhor balanço e acho que conseguimos. Nós largamos em terceiro aqui, bem apertado se você olhar quem larga atrás de nós, está tudo muito próximo, nós estamos mais do que felizes com o que conseguimos e aguardando o amanhã.

P:  Há alguma preocupação em relação a corrida devido o que ocorreu na Austrália na semana passada?

MS: Eu acho que todos nós ficamos preocupados porque a temperatura era diferente para nós. Nós nos preparamos ontem mas acho que fizemos um bom trabalho. Nós tiramos uma lição na Austrália, nós reagimos, os rapazes na fábrica, e toda a equipe fez um trabalho soberbo. Estou muito feliz sobre o progresso e como nós entendemos o carro e eu espero o amanhã.

Michael foi o piloto que mais fez ultrapassagens em 2011, foram 116 em 19 corridas.  Buemi venho em segundo com 114, ninguém pode dizer que ele não trabalhou ano passado. Embora muitas dessas ultrapassagens foram conseguidas no início da corrida e por nem sempre ter se classificado tão bem quanto seu companheiro, Schumacher teve que dar umas remadas para alcançar e até ultrapassar Rosberg em algumas corridas. Espero que em 2012 ele melhore na classificação e consiga quem sabe um pódio dessa vez. Lembrando que sua melhor posição em 2011 foi um 4º lugar no Canadá.

Pouco de um mês atrás, Pryscilla do Paddock Interditado me perguntou na seção de comentários “Sobre Mim” se eu poderia escrever um artigo dos motivos de torcer por Schumacher para um especial de férias no qual 6 torcedores explicam suas razões de torcer para cada um dos  6 campeões atuais que disputarão a temporada de 2012. Após algumas trocas de e-mail, meu artigo foi o primeiro a ser postado no ‘Paddock’, os demais virão a cada domingo. Então cheque lá o porquê de torcer pelo alemão. :)

Suzuka, 2006 – o motor da Ferrari explode; o oitavo título agora parece impossível – Schumacher desce do carro e a câmera capta a emoção daquele instante, obviamente ele está triste, porém dá para notar certa resignação. Talvez outros pilotos começassem a chorar, a espernear, quisessem ficar um pouco sozinhos naquele momento. Mas não Schumacher, ele está determinado a voltar aos boxes.

Texto publicado no Maria Paddock :

O mau-caratismo de Schumacher, tão ovacionado pelos desafetos e, principalmente pela mídia, tem lá seus limites. O embaixador da UNESCO, doou US$1,5 milhões para projetos ligados a educação e ao esporte. Financiou, sozinho, a construção de uma escola para crianças pobres de Senegal, além de contribuir para melhorias da própria cidade de Dakar. Também sozinho, construiu um hospital especializado em amputados para apoiar as vítimas da guerra de Sarajevo. Em Lima, no Peru, fez o “Palácio para os pobres”, centro de ajuda para as crianças de rua, com alimentação, educação, cuidados médicos, roupas e abrigo. Para as vítimas do tsunamique atingiu a Ásia em 2004 foram US$10 milhões, a maior doação individual. Para a Fundação William J. Clinton, em prol de crianças com HIV, malária e pobreza foram mais US$5 milhões. Para as enchentes que alastraram a costa européia, mais US$1 milhão. Em meados de 90, adotou um cachorro vira-lata que vagava por Interlagos na época do Grande Prêmio do Brasil, isso muito antes de se engajar em campanhas em defesa dos animais.

- Schumacher é assim: A dureza do atleta se decompõe na vida pessoal, revelando um homem, digamos, encantador. O ronco de sua Ferrari, que tanto perturba os adversários se cala perto de sua voz macia e aconchegante, similar a de um missionário de paz. Mas jamais será visto como um. Pelo contrário. O Barão Vermelho está para o público muito mais como um cavaleiro das trevas. Porém, ele parece não ligar. Pelo sim, pelo não, Schumacher segue em frente, e mesmo sabendo que jamais será reconhecido continua plantando benevolências por onde passa. Ao que tudo indica, o alemão é mesmo apaixonado por recordes: Seja em números na Fórmula 1, seja em sorrisos fisgados no rosto dos que mais necessitam.

// Sabrina Peterson – Michael Schumacher | No limite.

O que um senhor milionário de 43 anos gostaria de ganhar no seu aniversário? Difícil responder, pois Schumacher parece não sentir falta de nada, nada mesmo. Ele tem o trabalho dos seus sonhos, a família que pediu a Deus e ele mesmo pode se presentear com os mais luxuosos e desejados objetos do mundo.

Para relembrar, em 2007, quando fez 38 anos, recém-aposentado, ele se presentou com nada menos que um Shelby Cobra 427 de 1967.

Porém, certa vez, ao ser perguntado exatamente sobre o que gostaria de ganhar de presente, ele revelou que ficaria contente se sua esposa aparecesse em casa apenas com um carburador de kart.

E como estamos em ritmo de festa. O vídeo abaixo foi a festa de final de ano da equipe Mercedes. O pessoal estava animado, e o maior destaque em minha singela opinião, não foi Schumacher mas Andrew Shovlin (seu primeiro engenheiro na Mercedes) soltando a franga. Andrew é o que usa óculos e está com uma camisa discretíssima.

 

Segue o link no qual Schumacher responde às perguntas enviadas para o site SennaTri sobre a influência de Ayrton Senna na sua carreira. Michael explica com mais detalhes como foi a primeira vez que viu Senna nas pistas e seus sentimentos sobre o eterno ídolo brasileiro.

INESQUECÍVEL.

Contagem regressiva para o evento mais ‘pelada’ do automobilismo mundial. A Corrida dos Campeões está marcada para os dias 3 e 4 de dezembro em Düsseldorf e para quem não sabe a dupla aerodinâmica Vettel e Schumacher podem conquistar a “Copa das Nações” pela Quinta vez, isso mesmo, quinta vez seguida. E o último campeão individual foi o português Filipe Albuquerque, a zebra da competição entre tantos  pilotos famosíssimos. Filipe com o merecido sucesso instantâneo conseguiu uma vaga na DTM em 2011 e voltará ao ROC para defender seu título. Ironicamente, Filipe lutou pelo direito de participar da Corrida e tornar-se um dos ‘campeões’ em 2010 ao vencer disputas classificatórias européias  do ROC, agora o próprio título do ROC o classifica para tal.

Os pilotos confirmados para o evento são:

  • Sebastian VETTEL, bicampeão mundial de Fórmula 1
  • Michael SCHUMACHER, heptacampeão de Fórmula 1
  • Jenson BUTTON, campeão 2009 de Fórmula 1
  • Andy PRIAULX, tricampeão mundial de carros de turismo
  • Travis PASTRANA, vencedor do Rally America 4 vezes e lenda do X-Games
  • Brian DEEGAN, ganhou13 medalhas no X-games inclusive ouro no Rally Cross em 2011
  • Tom KRISTENSEN, venceu oito vezes Le Mans 24 horas
  • Mattias EKSTROM, estrela da DTM e tricampeão do ROC  – disputa individual
  • Sébastien OGIER, venceu 5 ralis no mundial em 2011
  • Romain GROSJEAN, campeão 2011 da GP2
  • Vitaly PETROV, piloto de F1 da Lotus Renault GP
  • Timo GLOCK, piloto de F1 da Marussia Virgin Racing
  • Timo SCHEIDER, bicampeão da DTM
  • Martin TOMCZYK, campeão 2011 da  DTM
  • Jan KOPECKÝ, três vezes vice-campeão do Intercontinental Rally Challenge
  • Juho HÄNNINEN, campeão 2011 de Rali Super 2000 e campeão 2010 do IRC
  • David COULTHARD, venceu 13 corridas na Fórmula 1
  • Filipe ALBUQUERQUE, piloto da DTM e atual campeão ROC

Ano passado, a corrida foi transmitida ao vivo pela SporTV e pelo site oficial você também podia pagar para assistir online. Não lembro quanto foi na ocasião, mas eu paguei para ver os dois dias de competição e não achei tão caro (monopolizar a TV apenas no SporTV é complicado aqui em casa, hehe). Vamos ver como será esse ano, e se alguém perder alguma disputa também não precisa arrancar os cabelos pois depois sempre cai  no youtube, pelo menos, os melhores momentos.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.